Nordic Maternity Program

Testemunho – Programa de Maternidade Nordic

“A ajuda da Drª Daniela Seabra e da Drª Çagla Sen, foi crucial em momentos diferentes da minha vida (posso dizer que me salvaram a vida em todos eles) 🙂

Mais recentemente com sintomas pouco comuns mas muito incomodativos durante a gravidez. Nenhum outro médico foi capaz de diagnosticar e de me ajudar.

A dedicação e estudo que elaboram de forma minuciosa assim como o acompanhamento da gravidez permitiram o meu bem estar e do meu filho, que nasceu saudável, grande e forte.

Estou eternamente grata por isso.”

Testemunho da Catarina Paixão, paciente Nordic Clinic

Nordic Weight Loss Approach

“Quando fui para a Nordic Clinic, o meu objetivo inicial era marcar consulta pela milésima vez com um Nutricionista famoso, perder peso de forma imediata, rápida, sem consciência.

Quando conheci a Drª Daniela Seabra e a Drª Andreia Morim que, em boa verdade, identificaram logo o meu problema e disseram-me: a solução não passa pela dieta rápida. E, através de meios de diagnóstico perceberam o que tinha.

Está a ser uma viajem maravilhosa!

Com muito menos massa gorda e muitos mais sorrisos!

Decidi partilhar porque elas para além de serem minhas Nutricionistas e estarem ao serviço da Nutrição, têm feito muito mais por mim e pela minha saúde.

Eu quero continuar convosco, sempre! É um caminho lindo e maravilhoso, cheio de descobertas! Obrigada pelo que têm vindo a ensinar, não vos quero perder de vista.

Testemunho da Rafaela, paciente Nordic Clinic

Mulher, 34 anos, com encefalomielite miálgica e síndrome de fadiga crónica

A nossa paciente foi diagnosticada por encefalomielite miálgica (EM / síndrome de fadiga crónica) após uma infecção no Outono de 2013. A infecção não progrediu e ela continuou, como habitualmente, com trabalho e exercício. Após cada exercício, ela ficava com dor de garganta. Mais tarde, começou a sentir falta de força nas pernas, mesmo com pequenos esforços. A nossa paciente tinha muito pouca força física e mental e a sua saúde e bem estar deterioravam-se rapidamente. Sentia taquicárdias, palpitações cardíacas, infecções frequentes com febre e sensações sonoras e leves que eram muito stressantes. Tinha feito algumas alterações alimentares e começou com a acupunctura. Em 2016, a paciente começou a sua viagem na Nordic Clinic com o preenchimento de um questionário abrangente e de um diário alimentar.

Testes utilizados:

  • Teste de SIBO
  • Teste de ácidos orgânicos
  • Teste da flora Intestinal
  • Teste genético

Testes – Resultados:

  • O teste de SIBO mostrou elevado crescimento bacteriano.
  • O teste de ácidos orgânicos mostrou alguns distúrbios nos processos bioquímicos, tais como produção de energia mitocondrial.
  • O teste da flora intestinal mostrou algum sobrecrescimento de leveduras no intestino e um défico de ácidos gordos de cadeia curta.
  • O teste genético revelou, entre outras coisas, polimorfismos nucleotídicos únicos (SNPs) em genes responsáveis pela biotransformação, desintoxicação e produção de antioxidantes endógenos, um risco aumentado de inflamação via IL-6 e uma diminuição da sinalização da vitamina D.

Sugestão de Tratamento:

  • Eliminação do sobrecrescimento bacteriano: Dieta baixa em FODMAPs, assim como agentes antimicrobianos para melhoria do sobrecrescimento bacteriano e tratamento antiviral (diminuindo a replicação viral).
  • Optimização da produção de energia mitocondrial: terapia nutricional orientada com nutrientes específicos para apoiar os processos bioquímicos.
  • Apoio à integridade e função da mucosa intestinal/ promoção de uma flora intestinal saudável e rica: Probióticos/Butirato/Suplementação para promover um bom ambiente na mucosa intestinal.
  • Suplementos para suporte dos processos identificados pelo teste genético.

Intervenções de estilo de vida sugeridas:

  • Comer uma grande variedade de alimentos para contribuir para a riqueza microbiana na flor intestinal.
  • Aumentar gradualmente a actividade física.
  • Meditação.
  • Exposição à luz solar no início da manhã.
  • Exercícios para activação do nervo vago.

Resultados e follow-up:

  • Após o tratamento, o paciente foi submetido a um novo teste de SIBO, com resultado negativo.
  • A paciente começou a praticar exercício físico em 2017 e hoje consegue exercitar-se cerca de 75% e sente-se “muito, muito melhor”.
  • A paciente melhorou significativamente a digestão, recupera mais rapidamente e consegue integrar mais atividades.
  • A necessidade de dormir diminuiu significativamente.

Mulher, 35 anos, susceptibilidade a infecções e fadiga

Durante dez anos, a nossa paciente sentiu um cansaço cada vez mais severo e uma susceptibilidade aparentemente inexplicável às infecções. Sofria de infecções recorrentes com mais frequência do que os seus amigos e sentia-se frequentemente com fome. Ela questionava se o seu sistema imunitário estava a funcionar correctamente. Quase todas as semanas, tinha a sensação de não estar bem e muitas vezes sentia-se doente ao ponto de nem se atrever a fazer exercício. Após o exercício físico, por vezes adoecia durante uma semana, chegando ao ponto de não conseguir levantar-se da cama. A paciente tinha uma dieta boa e variada, dormia bem e fazia exercício regularmente. Contudo, tinha uma vida de trabalho intensa sem tempo para recuperar e durante vários anos tinha viajado muito, com fusos horários muito diferentes. As suas análises de sangue mostraram uma TSH ligeiramente elevada, o que indica um mau funcionamento da glândula da tiróide. A paciente veio para a Nordic Clinic em 2018, no Outono.

Testes utilizados:

  • Teste para SIBO
  • Teste abrangente da tiróide
  • Teste para avaliação da função e da flora intestinais, que mostrou um ligeiro desequilibrio na flora intestinal
  • Teste de avaliação da função adrenal

Testes – Resultados:

  • O teste de SIBO mostrou níveis muito elevados de bactérias produtoras de hidrogénio, o que pode levar a sintomas sinstémicos como fadiga e inflamação.
  • O teste abrangente da tiróide confirmou uma TSH ligeiramente aumentada, assim como níveis de selénio e lítio subóptimos.
  • Teste para avaliação da função e da flora intestinais mostrou um ligeiro desequilíbrio da flora intestinal.
  • Teste para avaliação da função adrenal mostrou baixos níveis de cortisol, além de baixos picos nos períodos da manhã e ao longo do dia, que podem contribuir para a fadiga.

Sugestão de Tratamento:

  • Foram prescritos antibióticos e posteriormente usadas outras preparações antimicrobianas como tratamento prolongado.
  • Suplementação de selénio, lítio e suplementação para optimização da função tiroidea.
  • Probióticos.
  • Suplementação para melhoria da função adrenal.

Intervenções de estilo de vida sugeridas:

  • Limitar a ingestão alimentar para 8h/dia e jejum nas restantes (jejum 16:8h).
  • Caminhar 10000 passos/dia, medidos com um Fitbit.
  • Priorizar o sono e reparação.
  • Exposição à luz solar de manhã.
  • Limitar a ingestão de café para 1 chávena/dia.


Resultados e follow-up:

  • A paciente sofria de uma ligeira obstipação que melhorou discretamente após o tratamento.
  • A paciente descreve a sua saúde comparando-a ao dia e à noite quando refere o antes e o depois do tratamento na Nordic Clinic.
  • A paciente sentia-se de rastos e extremamente cansada, vivendo uma vida limitada antes do tratamento. Agora já não se deita na cama às oito da noite, mas foi-lhe dada esperança e fé para lidar com os filhos pequenos e aguarda com ansiosamente os próximos desafios. O seu marido também nota “uma enorme diferença”.

Mulher, sintomas difusos

Mulher, sintomas difusos tais como fadiga intensa, distúrbios do sono, problemas cognitivos, sensibilidade ao stress, depressão e problemas de concentração.

A nosso paciente tem lidado com sintomas difusos tais como fadiga intensa, distúrbios do sono, problemas cognitivos, sensibilidade ao stress, depressão e problemas de concentração durante vários anos sem compreender a causa: “Entrei em contacto com o Dr. Graeme Jones na Nordic Clinic em Estocolmo. O Dr. Graeme fez perguntas sobre a minha vida em geral e não apenas sobre os meus sintomas. Analisámos os factores de stress, ambiente de trabalho, relações familiares, dieta, exercício, sono. Sim, basicamente tudo! Isto tudo foi seguido de uma variedade de testes médicos. Os testes mostraram que o meu corpo estava extremamente sobrecarregado com toxinas e produtos químicos a que estava exposta através do meu trabalho. Sou uma artista e pinto a tempo inteiro há trinta anos”.

Sugestão de tratamento e de intervenção no estilo de vida:

  • Suplementos.
  • Exercício físico.
  • Óculos bloqueadores da luz azul à noite para uma melhoria do sono.
  • Purificação de ar no estúdio
  • Pequenas coisas como usar luvas no trabalho para minimizar a exposição a toxinas.
  • Sauna de Infra-vermelhos.
  • Jejum intermitente.
  • Banhos de água fria.

“Não foi um trabalho fácil. Exigia bastante esforço e empenho. A minha vida mudou drasticamente desde o início do meu tratamento na Nordic Clinic. Tem sido um trabalho duro e árduo mas a recompensa é que acordo descansada, calma e ansiosa pelo dia. Vale a pena cada luta! O tempo que leva a implementar essas mudanças de estilo de vida, ganho de novo por não ter de dormir mais durante o dia e por poder trabalhar de forma mais eficiente, uma vez que me consigo concentrar muito melhor. Financeiramente tem custado, com consultas, suplementos, assinaturas de ginásio e purificadores de ar. Olhando para estes anos, é um dos melhores investimentos que já fiz”.

Mulher, sintomas gastrointestinais

A nossa paciente tem tido problemas de estômago há mais de 20 anos e fez várias investigações com vários médicos na Suécia, EUA e Inglaterra – sem obter qualquer informação definitiva sobre o que é o problema. Ela foi encaminhada para a Nordic Clinic por um amigo. “Após uma visita e os três testes recomendados, tenho agora uma indicação clara do que está errado – no meu caso SIBO. Após anos de dores de estômago, inchaço, tonturas, fadiga extrema, eczema, etc., tem sido incrivelmente agradável ser ouvido e receber informação concreta sobre qual é a causa dos meus sintomas – e também conselhos acionáveis sobre o que posso fazer para me livrar deles”!

Homem, 73 anos, que sofreu de problemas de estômago durante toda a sua vida

“Sinto que finalmente “acordei” e tenho a minha vida de volta!”

O nosso paciente, um homem de 73 anos – teve problemas de estômago durante toda a sua vida sob a forma de inchaço abdominal e trânsito intestinal irregular e fezes de textura variável. Sentia reacções a alimentos, bem como noites de sono agitado, insónias e alguma confusão mental durante o dia. O seu objectivo era aliviar as perturbações digestivas e melhorar o sono e a qualidade de vida.

Testes utilizados:

  • CSAPx2
  • Organix Dysbiosis

Resultados:

  • evidência de disbiose no cólon, tanto sob a forma de fungos como de bactérias (potencialmente patogénicas).

Sugestão de tratamento:

Dieta sem glúten e sem lacticínios baixa em FODMAP para limitar a fermentação dos alimentos no intestino. Além disso, foram recomendados suplementos com efeito antimicrobiano para inibir os microorganismos patogénicos e probióticos para aumentar o nível de bactérias intestinais benéficas.

Resultados e follow-up após 3 meses de tratamento:

Após iniciar o tratamento, o paciente sente uma melhoria da digestão e movimentos intestinais regulares, bem como uma melhoria do padrão de sono e uma sensação de clareza mentar. O paciente descreve que sente que finalmente “acordou”. Tem feito muitas viagens e considera que desde que cumpra o plano de suplementação e dieta, é-lhe possível fazer algumas excepções alimentares para eventos sociais.

Copyright © Nordic Clinic 2020